ANIP | Im2

Ouvir e Envolver a "Comunidade IPI"

O Fórum ANIP, é um espaço de enriquecimento coletivo, que nos possibilita receber e partilhar contributos, preocupações e experiências de profissionais, famílias e académicos e todos os interessados na área da Intervenção Precoce na Infância.
A implementação do Projeto Im2, destinado a contribuir para disseminar práticas de qualidade em IPI em Portugal, foi o mote para a criação do Fórum.
O Guia Práticas Recomendadas em Intervenção Precoce na Infância está a ser criado com base na evidência científica , na visão das famílias e nas experiências práticas dos profissionais de IPI.

Participe, deixando-nos o seu comentário ou reflexão!

Orientações de participação

A Referenciação Destaque

Parar para pensar:
Como fazer a família sentir que pode liderar o processo de IPI desde o primeiro momento?

A gravidez do Leandro decorreu normalmente, tal como o parto. Aparentemente tudo estava bem com o bebé, mas ao longo dos dois primeiros meses de vida do bebé, Sofia começa a notar algumas diferenças no desenvolvimento do seu filho: Leandro parece mais “mole” e menos “alerta” do que os outros bebés e o casal resolve recorrer à médica de família do Centro de Saúde da área de residência.

A médica, após ouvir a Sofia, confirmou as suas suspeitas, embora não tivesse ainda certezas face ao porquê do atraso do desenvolvimento do bebé, e encaminhou o caso para uma consulta de desenvolvimento. Paralelamente, informou a mãe da existência de uma equipa de Intervenção Precoce, constituída por profissionais de várias áreas e cujo apoio, prestado nos contextos de vida da criança e centrado nas preocupações e prioridades da família e outros cuidadores, poderia ajudar na promoção do desenvolvimento do Leandro. Por fim, perguntou à Sofia se gostaria de ser contactada por essa equipa. Os pais de Leandro concordaram imediatamente e o processo de referenciação foi feito com o consentimento da família e, fundamentalmente, tendo por base as suas preocupações.

Ler 3745 vezes Modificado em 29 Jul. 2015

1 comentário

  • Ligação de comentário Sandra Monteiro sexta, 21 agosto 2015 11:29 postado por Sandra Monteiro

    Dando o enfoque desde o início, às preocupações e necessidades da família, ajudando-as a perceber o que gostariam de modelar nas suas vidas, deixando-as guiar, decidir e planear as mudanças que gostariam de criar.

    Reportar

Deixe um comentário